São Paulo já teve seu dia de Tigre

Em 1942, tricolor paulista abandonou partida quando perdia por 3 a 1 do Palmeiras

Carlos Eduardo Entini

Em setembro de 1942, na decisão do campeonato paulista, o São Paulo abandonou o partida quando perdia por 3 x 1 do Palmeiras. A justificativa foi a expulsão de Virgílio. O jogador são-paulino foi expulso aos 20 minutos do segundo tempo depois de cometer falta no atacante Og, “o árbitro que já havia tolerado outras faltas mais graves, não quis saber de nada e expulsou Virgílio do gramado”, relatou o Estado no dia 22. Inconformados, os jogadores do São Paulo cercaram o juiz. Luizinho, o capitão do time, instruído pelos dirigentes do clube orientou que a equipe não jogasse mais a partida. O time ficou até os 45 minutos no gramado.

O Estado de S. Paulo – 22/9/42
Fonte: acervo.estadao.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s