Prefeito de Osasco apresenta oficialmente o novo comandante da GCM

Na sua criação, há mais de 20 anos, a corporação já chegou a ter 500 guardas civis”

16386876_1875465389367433_4576362135895410307_n

O novo comandante da Guarda Civil Municipal (GCM) de Osasco, Raimundo Pereira Neto, tomou posse em solenidade nesta quarta-feira, 01/02 na Sala Osasco. Ele era inspetor na corporação. A Sala Osasco esteve lotada para receber o novo comandante que terá grandes desafios pela frente. Na gestão anterior, Paulo Siqueira comandou a Guarda Municipal de Osasco e teve como secretário de segurança Lau Alencar.

16472903_1875465436034095_7268629442670890157_n

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Osasco funciona hoje com menos de um terço do efetivo considerado ideal. É o que afirmou o prefeito Rogério Lins (PTN). De acordo com ele, a cidade tem cerca de 250 guardas em atividade, enquanto deveria ter em torno de 800. “Hoje, a Guarda deve ter em ativa pouco mais de 250 guardas. Na sua criação, há mais de 20 anos, a corporação já chegou a ter 500 guardas civis”, comentou “A cidade cresceu, ficou mais populosa, mais rica, desenvolvida e, obviamente, com mais problemas na segurança. E hoje nossa corporação tem metade do efetivo inicial, onde deveria ser, no mínimo, o dobro”, avaliou Lins.

guarda-leandro-conceicao-1021x580

De acordo com Lins, a administração planeja abrir concurso público para aumentar o efetivo da Guarda. Mas antes é preciso atender a reivindicações da categoria, como aumento salarial, para tornar o cargo mais atraente, comentou Lins que terá um grande desafio nesta pasta que sem dúvida merece uma atenção especial, sobretudo para combater os pancadões que acontecem nos bairros periféricos das cidade.

16388119_10209764871692608_8981566442288189653_n

Outra questão importante observada pelo prefeito foi a questão salarial dos guardas municipais, Rogério disse em seu discurso que atualmente o vencimento dos guardas “é um dos piores da região”com pouco mais de R$ 1,1 mil e “não é compatível com a função”.

16463102_716997388482122_1986432276051489569_o

Compromisso: “Nós vamos abrir concurso para a Guarda Civil. Mas antes tem que fazer uma evolução salarial. Senão, não vai ser atrativo a pessoa vir ser efetivo da Guarda Civil, para cuidar da vida, da segurança das pessoas, e colocar sua vida em risco, por um salário que, para o mercado, para a região, não está compatível”, garantiu Rogério Lins.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s