Carapicuíba lança campanha “Traga seu carro para morar em Carapicuíba”

A prefeitura inicia a campanha “Traga seu carro para morar em Carapicuíba”, um estímulo para que moradores de Carapicuíba façam o emplacamento do seu veículo 0Km ou a transferência da placa para o município.

O objetivo da campanha é levar ao conhecimento dos munícipes que a transferência traz mais recursos para a cidade. Com isso o imposto é revertido em mais saúde, educação e segurança para os moradores. De acordo com a legislação vigente, o valor pago de IPVA é dividido igualmente entre Governo do Estado e município.

Quem transferir o registro do veículo até 30 de novembro, já colabora com o orçamento da cidade em 2018. Manter o cadastro do proprietário e do veículo atualizados é importante para evitar contratempos, como não receber impostos e avisos.

Para saber mais sobre como fazer a transferência do seu veículo, compareça ao Poupatempo de Carapicuíba ou acesse o site www.poupatempo.sp.gov.br para agendar seu atendimento.

Poupatempo: Av. Desembargador Dr. Eduardo Cunha de Abreu, 495, Vila Municipal.

Horário de atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e aos sábados das 8h às 13h.

Anúncios

Alckmin e Rogério Lins entregam Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso

Uma das obras mais aguardadas da Região Oeste de São Paulo foi entregue na manhã desta quarta-feira (16/08). Ponto de passagem para 52 linhas de ônibus, 40 metropolitanas e 12 municipais, foi entregue em Osasco, o Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso. A obra por onde vão circular 350 ônibus e transportar 250 mil passageiros por mês, faz parte do Corredor Itapevi-São Paulo e está localizada na Avenida dos Autonomista, 7.130.

emtu osasco km21

O governador Geraldo Alckmin participou da cerimônia de entrega da obra e falou sobre a sua importância. “Estamos avançando para ter o melhor corredor metropolitano Itapevi-Jandira-Carapicuíba-Osasco-São Paulo. Este grande terminal receberá 52 linhas de ônibus, 350 veículos ao todo, integrados ao viário do município e à Linha 8-Diamante, da CPTM. A pessoa com deficiência terá toda a acessibilidade, com quatro escadas rolantes, quatro elevadores e seis plataformas. Foram investidos R$ 29 milhões”, afirmou

Reportagem em vídeo! 

Na mesma ocasião, o governador autorizou a publicação de editais para contratação de obras nos trechos Jandira-Carapicuíba e Carapicuíba-Km 21 do Corredor Itapevi-São Paulo. O Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso tem 8 mil m² de área e seis plataformas. Além das 40 linhas de ônibus metropolitanas, o terminal vai receber nove linhas municipais de Carapicuíba e três de Osasco.

Junto com o terminal, foi entregue uma passarela para facilitar o acesso à estação General Miguel Costa, da linha 8-Diamante da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). A integração tarifária das linhas metropolitanas de ônibus com o trem é feita por meio do cartão BOM, que proporciona um desconto de R$ 1,50 no valor das duas tarifas.

Mais obras
As obras prosseguem no corredor Itapevi-São Paulo, com a previsão de entrega, em junho de 2018, de mais um trecho de 5 quilômetros entre Itapevi e Jandira. Um segundo trecho de 8,8 quilômetros vai ser construído entre Jandira e Carapicuíba. O edital com essa finalidade foi autorizado  pelo governador nesta quarta-feira e vai ser publicado até o final do mês. A obra com previsão de início até o final do ano, inclui o Terminal Carapicuíba, uma estação de transferência e nove estações de embarque e desembarque.

Um terceiro trecho está em construção e vai de Carapicuíba ao Terminal Luiz Bortolosso, com 2,2 km de extensão, duas estações de embarque e um terminal. Já está com 65%  das obras concluídas. O quatro e último trecho das obras é a ligação do Terminal Luiz Bortolosso à Vila Yara, com 7,6 km de extensão, que inclui um terminal de integração na Vila Yara e dez estações de embarque, cujo projeto básico e executivo já está concluído.

Locais servidos pelas linhas metropolitanas que operam no Terminal Luiz Bortolosso: 

  • Capital: Barra Funda, Jardim João 23, Lapa, Metrô Butantã, Pinheiros, Hospital das Clínicas, Rio Pequeno, Rodovia Raposo Tavares km 17,8
  • Osasco: Centro, Jardim Santo Antônio, Jardim Veloso, Terminal Santa Maria, Vila Yara, Vila Yolanda
  • Barueri: Alphaville/Bradesco, Alphaville 2, Jardim do Líbano, Parque Viana, Vale do Sol
  • Carapicuíba: Cohab 1, Cohab 5, Cidade Ariston, Jd. Novo Horizonte, Parque Jandaia, Vila Dirce
  • Cotia: Terminal Metropolitano
  • Itapevi: Centro, Cohab, Cohab/Jd. Paulista, Vila Gioia
  • Jandira: Jd. N. S. de Fátima
  • Santana de Parnaíba: Alphaville 10, Res. Tamboré 3
  • Pirapora Bom Jesus: Jardim Bom Jesus

.

Estação Quitaúna é entregue pela CPTM com melhorias

Geraldo Alckmin e o prefeito Rogério Lins participaram da entrega de melhorias como itens de acessibilidade para pessoas com deficiência, mais segurança e conforto para todos. Vários políticos da região compareceram para prestigiar a entrega da nova Estação, entre elas a deputada Renata Abreu (Podemos), que tem encaminhado recursos para cidade.

IMG_8119

A Linha 8-Diamante da CPTM (Júlio Preste-Itapevi) recebeu na manhã desta segunda-feira (26) a primeira de três estações que ganharam itens de modernização e acessibilidade. A Estação Quitáuna foi entregue à população pelo governador Geraldo Alckmin, com muitas modificações e itens para dar mais mobilidade para cadeirantes e pessoas com outras deficiências.

galeria22-1-1-1024x704

“São R$ 20 milhões em investimentos. Uma estação de trem importantíssima, agora com toda a acessibilidade para pessoas com deficiência, elevadores, câmaras de vídeo, segurança e ampliação do local”, disse Alckmin.

galeria23-1-1-1024x704

Este ano, serão entregues ainda as estações Jardim Ceval e Jardim Belval. Com muitas modificações, a estação Quitaúna recebeu piso e rotas táteis, comunicação em Braille e sanitários para pessoas com cadeiras de rodas. Os banheiros comuns também foram reformados.

galeria10-2-2-1024x704

As bilheterias receberam blindagem, entre outros itens que foram acrescentados para dar mais conforto e segurança aos passageiros, como a instalação de câmeras internas de segurança e equipamentos de prevenção de incêndios.

galeria8-3-1-1024x704

Os passageiros serão beneficiados ainda com  a ampliação das coberturas das plataformas, que ganharam forro e fechamentos metálico, e a modernização das instalações elétricas, com gerador e nova luminárias. No entorno, a estação recebeu obras de paisagismo e urbanismo e passarela externa para pedestres.

galeria14-1-1-1024x704

 

Prefeitura de SP apresenta novos uniformes de agentes de trânsito da CET

A cor marrom, antes predominante, deu lugar ao amarelo no novo traje. Gestão Doria diz que mudança vai dar mais visibilidade às equipes que atuam nas ruas.

efeitura de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (8) como será o layout do novo uniforme dos agentes de trânsito da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Os “marronzinhos”, como são conhecidos pela população, agora terão de ser rebatizados, já que a cor predominante do traje passou a ser a amarela.

A princípio, o novo uniforme vai ser usado apenas pelas equipes que atuam nas marginais Pinheiros e Tietê, mas depois será adotado por todos os agentes da capital.

Segundo a Prefeitura, os uniformes serão doados por uma associação de indústrias têxteis e passarão a ser usados em 1º de junho. Uma equipe de estilistas desenvolveu gratuitamente o traje com tecidos térmicos que, segundo o prefeito João Doria (PSDB), permitirão uma melhor ventilação.

uniformecet

“Nós ainda vamos ter um período de uso para a adaptação. Ainda teremos um período de três semanas onde o uso do uniforme vai ser feito exatamente para analisar se com calor, frio, umidade, suor, se precisa fazer alguns ajustes e adaptações”, afirmou o tucano.

Empresas de diferentes ramos também doaram 2500 óculos escuros modelo aviador, dez pick-ups, 20 motocicletas e 50 rádios comunicadores para a corporação.

 De acordo com a Prefeitura, a mudança do uniforme vai dar mais visibilidade e, consequentemente, mais segurança aos funcionários da CET. A gestão Doria também afirma que o tecido será trocado por um mais leve e “moderno”, que oferece mais conforto aos agentes que trabalham na rua.

MARROM

Marrozinhos terão uniforme trocados pela cor amarela; Prefeitura de SP apresentou as novas picapes da CET nesta quarta (Foto: Marivaldo Oliveira/Código 19/Estadão Conteúdo)

Ao menos no croqui divulgado à imprensa, o novo uniforme mostra um design mais “fit”, colado ao corpo. A camisa ainda ganhou o desenho de asas nas costas, em uma referência ao projeto entitulado “Anjos da Marginal”, que promete intensificar a fiscalização e a segurança nas marginais. No passado, agentes da CET usavam uniformes amarelos, que foram substituídos pelos da cor marrom em 1992. Atualmente, os “marronzinhos” só usam agasalho amarelo em dias de chuva.

Honda exibe o inovador monociclo UNI-CUB

Dispositivo de mobilidade individual reforça o conceito de colocar o ser humano no centro do desenvolvimento das tecnologias da marca.

baile-funk-vandalismo-osasco-sp

Os visitantes que passaram pelo estande da Honda no 29º Salão Internacional do Automóvel conheceu uma das inovações tecnológicas da marca, o dispositivo de mobilidade individual UNI-CUB β. Projetada para facilitar a locomoção pessoal, a solução traz o primeiro sistema de roda motriz omni-direcional do mundo o Honda Omni Traction Drive System, que proporciona completa liberdade de movimento em todas as direções, seguindo o balanço natural do corpo.

Essa tecnologia permite que o dispositivo se movimente de forma similar ao de uma pessoa caminhando, permitindo inclusive desvios de rota laterais e diagonais, graças ao seu inovador sistema de roda motriz omni-direcional. O UNI-CUB β foi desenvolvido usando a mesma tecnologia de controle de equilíbrio adotada na família Honda Robotics, de robôs humonóides, como o ASIMO. De tamanho compacto, permite a locomoção entre multidões e pode ser usado em áreas internas como escritórios e prédios comerciais.

O modelo exposto durante o evento é o UNI-CUB β, versão menor e mais leve do dispositivo de mobilidade individual, que traz um novo desenho e materiais que tornam seu uso ainda mais fácil.

Resultado de imagem para UNI-CUB

Honda: há 45 anos na vida dos brasileiros – Em 1971, a Honda iniciava no Brasil as vendas de suas primeiras motocicletas importadas. Cinco anos depois, era inaugurada a fábrica da Moto Honda da Amazônia, em Manaus, de onde saiu a primeira CG, até hoje o veículo mais vendido do Brasil. De lá para cá, a unidade produziu mais de 21 milhões de motos, além de quadriciclos e motores estacionários. Para facilitar o acesso aos produtos da marca, em 1981 nasceu o Consórcio Honda, hoje a maior administradora de consórcios do Brasil, que faz parte da estrutura da Honda Serviços Financeiros, também composta pela Seguros Honda e o Banco Honda. Dando continuidade à trajetória de crescimento, em 1992 chegavam ao Brasil os primeiros automóveis Honda importados. Em 1997, a Honda Automóveis do Brasil iniciava a produção do Civic, em Sumaré (SP), de onde já saíram mais de 1,5 milhão de veículos.

Resultado de imagem para UNI-CUB

Durante esses anos a empresa também inaugurou Centros Educacionais de Trânsito, de Treinamento Técnico, de Distribuição de Peças e de Pesquisa & Desenvolvimento. Estruturou uma rede de concessionárias hoje composta por cerca de 1.500 endereços. Tudo isso para oferecer aos clientes uma excelente experiência com a marca. Em 2014, em uma iniciativa inédita no segmento, a Honda inaugurou seu primeiro parque eólico do mundo, na cidade de Xangri-Lá (RS). O empreendimento supre toda a demanda de energia elétrica da fábrica de Sumaré, reduzindo os impactos ambientais das operações da empresa. Em 2015, a Honda AircraftCompany anunciou a expansão das vendas do HondaJet, o jato executivo mais avançado do mundo, para o Brasil. A empresa reitera seu compromisso de longo prazo com o Brasil e seguirá empenhada em contribuir cada vez mais com a vida e a mobilidade dos brasileiros!

Confira reportagem completa realizada no Salão do Automóvel 2016!

 

Novo Hyundai Creta terá opção de motores 1.6 ou 2.0.

Resultado de imagem para hyundai creta salão do

Ele será vendido com duas opções de motor.  A versão mais em conta terá o conhecido propulsor 1.6, de 4 cilindros, que já equipa a linha HB20, mas ele desenvolverá até 130 cavalos de potência a 6.300 rotações por minuto e 16,5 kgfm de torque a 4.850 rpm.

Haverá também uma opção mais potente: 2.0 com 166 cv e 20,5 kgfm de torque, que chegam praticamente nas mesmas rotações do 1.6. Eles poderão ser aliados a câmbio manual (apenas para o 1.6) ou automático de 6 velocidades.

Resultado de imagem para hyundai creta salão do

A Hyundai ainda esconde quais serão os pacotes de acabamento e os preços do Creta, mas confirmou durante o Salão que pretende concorrer com todas as versões de seus principais rivais, como o Honda HR-V e Jeep Renegade.

Confira mais abaixo reportagem exclusiva do Salão do Automóvel 2016!