Prefeitura de Carapicuíba entrega 18 mil kits de material e uniformes escolares para alunos da rede municipal

No último dia 5, cerca de 18 mil alunos retornaram às aulas na rede municipal de ensino de Carapicuíba. E, após trabalhar intensamente no ano de 2017 na organização da casa, pagamento de dívida e planejamento dos orçamentos, a Prefeitura de Carapicuíba, através da Secretaria de Educação, já iniciou a entrega dos kits e uniformes escolares.
1
Num cronograma que segue durante a semana, todas as crianças matriculadas nas escolas municipais, do berçário ao 5º ano do ensino fundamental, além dos estudantes do EJA (Ensino de Jovens e Adultos), receberão os materiais necessários para o aprendizado completo dentro da sala de aula. Os kits escolares foram preparados de acordo com cada fase de ensino, atendendo as necessidades pedagógicas, assim como os uniformes, confeccionados para cada faixa etária.
1
Segundo o prefeito, Marcos Neves – que acompanhou a entrega em algumas unidades escolares – os estudos e planejamentos realizados no ano de 2017, resultaram no fornecimento de uniformes e kits escolares de qualidade, garantindo ainda os próximos anos. “Estamos trabalhando por um futuro melhor para as crianças de Carapicuíba. Após colocar a casa em ordem, estamos colhendo bons frutos deste novo jeito de governar”, ressaltou.

Composição dos kits escolares e uniformes

1

Nas maternais, os pequenos recebem agenda, massa de modelar, giz de cera e estojo de pintura. Já na educação infantil, adiciona-se lápis de cor, tinta guache, pincel, cola colorida, caderno de cartografia e estojo escolar. Os kits para os alunos do 1º e 2º ano do ensino fundamental contém ainda caderno sem espiral. Os estudantes do 4º, 5º ano e EJA contam com canetas esferográficas em seus kits.

1
Os uniformes distribuídos a meninas e meninos, incluem: 2 camisetas, jaqueta, calça, bermuda, bermudão (para os meninos), short saia (para as meninas), 2 pares de meias e tênis.
Para a munícipe, Tânia Silva, mãe de aluna na Emei Carmelinda, o recebimento já na primeira semana de aula ajuda no orçamento da família, que não precisará ter estes gastos. “Estou muito feliz com a entrega do kit escolar e do uniforme, minha filha ficou bem contente, isso vai ajudar muito todos os pais”, parabenizou.

Mais investimentos para a educação

1

Nos próximos meses, as escolas da rede municipal passarão por reformas e manutenções. As operações incluem revisão na parte elétrica e hidráulica; pinturas internas e externas, troca de mobiliários e outros.
Em ação inédita, a Secretaria de Educação anunciou o “Videomonitoramento Escolar”, investimento para o primeiro semestre de 2018.  As unidades da rede receberão a instalação de câmeras de segurança e alarmes, melhorando a segurança dos alunos e das estruturas também no período noturno.

Anúncios

Mais de 5 mil professores da rede municipal participam da Semana Pedagógica em Osasco

lins

Texto: Olga Liotta

Foto: Sérgio Gobatti

Mais de 5 mil professores da rede municipal de ensino de Osasco participaram durante os dias 1 e 2 de fevereiro de um cliclo de palestras promovido pela prefeitura, por meio da Secretaria de Educação, através da Escola de Educadores. As atividades aconteceram em dois períodos, de manhã e à tarde, e integram a Semana Pedagógica, que antecede o retorno das aulas, e visam contribuir para o aperfeiçoamento contínuo dos professores. Os encontros aconteceram simultaneamente em quatro pontos: Centro de Formação de Professores, Teatro Municipal, Espaço Catedral – Santo Antônio e Sala Osasco.

lins

Os professores conheceram novas temáticas do cotidiano escolar e coordenação do trabalho pedagógico com renomados palestrantes do segmento educacional do país, que trouxeram temas importantes como a administração pedagógica nas escolas, trabalho interdisciplinar, desafios na Educação, inteligência emocional na rotina e no contexto escolar, entre outros. Eduardo Shinyashiki, Cris Poli, Fábio Zan, Regina Shudo e Leo Fraiman foram os convidados.

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, acompanhou alguns dos encontros e agradeceu a participação dos palestrantes e aproveitou para parabenizar os docentes por estarem aproveitando as atividades.

“Sou muito grato a todos os profissionais da educação. Este será um ano muito produtivo e de muita prosperidade na educação e em outros setores também. Agradeço a Ana Paula [secretária], que está administrando a Secretaria junto a Márcia Brito [secretária adjunta], pelo excelente trabalho. Desejo que vocês professores possam sair daqui com muito mais bagagem para a vida profissional e pessoal e que sejam muito felizes nessa missão que é educar”, destacou Lins.

“Estamos investindo fortemente em nossos educadores e para 2018 estamos preparando grandes eventos”, informou a secretária de Educação em exercício, Márcia Brito.

Palestras

lins

O primeiro dia de palestras contou com a presença do especialista em Desenvolvimento Humano, Eduardo Shinyashiki. Ele fez o auditório do Teatro Municipal figuradamente “chover” com simples comandos manuais dos dedos e palmas das mãos. Shinyashiki abordou sobre o infinito leque de possibilidades na educação que permite, através da imaginação e da criatividade, usar técnicas inovadoras para vencer os desafios na tarefa de educar e construir um futuro promissor para as crianças.

Regina Shudo esteve no Centro de Formação Continuada e falou sobre a avalição utilizada na Educação Infantil e a intervenção pedagógica, essencial para tornar os alunos mais “aprendentes”.

Abrindo o encontro no Espaço Catedral esteve Angélica Maia, pela manhã, que trabalhou o tema “Práticas e diálogo sobre Educação Inclusiva e Arte-Educação: desafios e possibilidades de um trabalho interdisciplinar”, e à tarde, a pedagoga Cris Poli, mais conhecida como a Super Nanny, discursou sobre a questão da educação em sala de aula, enfatizando a importância de impor limites, organização, disciplina e amor.

Na Sala Osasco palestrou Telma Ferraz Leal sobre a oralidade na escola e a investigação do trabalho docente como foco de reflexão na prática alfabetizadora.

Dando continuidade às palestras, o segundo dia de encontros contou com novas turmas de professores que igualmente puderam aproveitar os ensinamentos dos palestrantes convidados.

No Teatro Municipal, Leo Fraiman abordou o tema “A autogestão docente e o encantamento em sala de aula: o conflito ao encontro de gerações”. Julio Furtado participou do encontro com professores no Centro de Formação e discursou sobre a pedagogia do erro. Cris Poli esteve no Espaço Catedral e falou sobre a arte de educar em sala de aula. Fechando o ciclo de palestras, Fábio Zan tratou da “Inteligência emocional no contexto escolar”.

Participaram do encontro, Vera Navas, coordenadora do Observatório da Educação da Secretaria; Celso Almeida, coordenador geral da Planeta Educação, além das coordenadoras do Polo Osasco, Jamile e Aline; a gerente do projeto “Eu tenho Futuro”, Jéssica Nascimento, da Planetta Educação, entre outros.

Escola de Educadores

lins

A Escola de Educadores de Osasco, desenvolvida há um ano pela Secretaria de Educação, promove a capacitação continuada dos profissionais da rede municipal de ensino e oferece diversos cursos de capacitação e especialização voltado a diretores, vice-diretores, coordenadores pedagógicos, supervisores de ensino e professores.

O objetivo do programa é aperfeiçoar cada vez mais a atuação desses profissionais, para que ofereçam um ensino cada vez mais de qualidade e de sucesso na formação dos estudantes da rede.

 

Mais de 18 mil alunos da rede municipal de Carapicuíba recebem kit e uniforme escolar

Na próxima semana, aproximadamente 18 mil estudantes retornarão às aulas na rede municipal de ensino. Desta maneira, a Prefeitura de Carapicuíba, através da Secretaria de Educação – após trabalhar intensamente no ano de 2017 na organização da casa, pagamento de dívida e planejamento dos orçamentos – cumpre mais uma meta e entrega dos kits e uniformes escolares aos alunos.

Todas as crianças matriculadas nas escolas municipais, do berçário ao 5º ano do ensino fundamental, além dos estudantes do EJA (Ensino de Jovens e Adultos), receberão todos os materiais necessários para um aprendizado completo dentro da sala de aula.

Os kits escolares foram preparados de acordo com cada fase de ensino, atendendo as necessidades pedagógicas, assim como os uniformes, confeccionados para cada faixa etária. Tal ação garante material escolar e uniformes de qualidade e de forma gratuita a todos os alunos. A previsão é que as entregas sejam concluídas ainda na primeira semana de aula.

Nas maternais, os pequenos recebem agenda, massa de modelar, giz de cera e estojo de pintura. Já na educação infantil, adiciona-se lápis de cor, tinta guache, pincel, cola colorida, caderno de cartografia e estojo escolar. Os kits para os alunos do 1º e 2º ano do ensino fundamental contém ainda caderno sem espiral. Os estudantes do 4º, 5º ano e EJA contam com canetas esferográficas em seus kits.

Os uniformes serão distribuídos a meninas e meninos, que incluem: 2 camisetas, jaqueta, calça, bermuda, bermudão (para os meninos), short-saia (para as meninas), 2 pares de meias e tênis.

“Estamos trabalhando por um futuro melhor para as crianças de Carapicuíba. Por isso, já estão garantidos os uniformes e kits escolares dos próximos anos. Após colocar a casa em ordem, estamos colhendo bons frutos deste novo jeito de governar”, afirma o prefeito Marcos Neves.

cara

Escola de Carapicuíba passa por reforma para volta às aulas

No próximo dia 5, aproximadamente 18 mil alunos voltarão às atividades escolares no município. Desta maneira, a Prefeitura de Carapicuíba, através da Secretaria de Educação, visando aumentar o conforto e melhorar o dia-a-dia dos estudantes, prepara a escola de ensino infantil, Maria José Abyaza, localizada na Cohab V, para recebê-los.

cara

A unidade passa por reforma e readequação desde o mês de dezembro. As ações, em fase final, incluem construções de rampas de acessibilidade; novo pátio coberto; pavimentação de nova quadra esportiva e de lazer; limpeza e troca dos forros, além da adaptação de toda jardinagem. A previsão é que as obras sejam concluídas antes do início das aulas.

Outras escolas da rede também receberão manutenções e melhorias importantes nos próximos meses. Diversas equipes, num cronograma diário, irão realizar operações como limpeza das caixas d’água; revisão das partes elétricas e hidráulicas; roçagem; poda de árvore; reparos de mobiliários e, vistorias nos sanitários e playgrounds.

Segundo o prefeito, Marcos Neves, as obras e manutenções proporcionarão aos alunos uma experiência mais completa e adequada, dentro e fora da sala de aula.

“Um ambiente cuidado e apropriado pode influenciar na maneira como o aluno vê a escola, tornando o estudo mais agradável e leve, melhorando assim, seu desempenho pedagógico. Após colocarmos a casa em ordem no ano de 2017, vamos conseguir deixar as escolas do jeito que nossas crianças merecem”, afirmou.

Alunos da Rede Municipal voltam às aulas

Texto: Kelly Cerqueira

Foto: Fernanda Cazarini

Na próxima terça-feira, 6/2, os alunos da Rede Municipal de Ensino iniciam o ano letivo de 2018. Até o momento estão matriculados aproximadamente 68 mil estudantes nas modalidades de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Os pais que ainda não fizeram a matrícula dos filhos podem procurar a unidade escolar mais próxima de sua residência para preencher o cadastro de interesse. Caso não tenha vaga naquela unidade, a Secretaria fará o encaminhamento para outra mais próxima.

Antecedendo o início do ano letivo, todos os professores da Rede Municipal de Ensino participarão da “Formação de Educadores – Semana Pedagógica”, que ocorrerá nos dias 1 e 2/2. Serão dois dias de encontros com grandes nomes da educação do país, como Eduardo Shinyashiki, Cris Poli e Leo Fraiman, entre outros.

Os gestores se reúnem no Centro de Formação nos dias 29 e 30/1, para o encontro formativo. A programação contará com orientações e reflexões sobre a administração pedagógica nas escolas, com abordagem na rotina escolar.

cara

Prefeitura realiza aula inaugural da Oficina de Jardinagem e Horticultura

cara

Texto: Lucas Pedrosa

Foto: Tiago Heber

Na terça-feira, 30/1, a Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria do Meio Ambiente (Sema), realizou a aula introdutória da Oficina de Jardinagem e Horticultura no Centro Cultural e Esportivo do Portal D´Oeste, zona Norte. O curso contará com 13 encontros divididos em três meses.

Entre os assuntos previstos na grade da oficina estão: conscientização ambiental, cultivo de plantas e hortaliças e paisagismo. As aulas teóricas acontecerão no Centro Cultural e Esportivo do Portal D´Oeste e algumas práticas serão realizadas no Parque Chico Mendes, zona Sul da cidade.

Os engenheiros agrônomos da Sema, Paulo Henrique Santarosa e Fábio de Araújo, são responsáveis pelo curso. “O nosso foco é mostrar aos alunos a importância de se preocupar com o meio ambiente e envolvê-los para que eles sejam agentes multiplicadores de todo conhecimento adquirido”, disse Santarosa.

O curso que já é considerado um sucesso, pois já teve outras edições, é totalmente gratuito. As aulas foram divididas em dois horários, das 9h30 às 10h30 e das 14h às 15h, e contam com 15 alunos cada período.

 As turmas são limitadas e a secretaria abre um período de inscrição para os interessados. Já há uma fila de espera para o próximo curso.

Professores da Rede Municipal terão palestras de importantes nomes da educação do país

 Kelly Cerqueira

Foto: Fernanda Cazarini

Para iniciar o processo de adequação do ensino na rede pública do município à nova Base Nacional Comum Curricular, a Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Educação, realiza uma série de palestras durante a “Formação de Educadores – Semana Pedagógica”. Serão dois dias de encontros com grandes nomes da educação do país, como Eduardo Shinyashiki, Cris Poli e Leo Fraiman, entre outros.

OSASCO

O evento será realizado nos dias 1 e 2 de fevereiro, em quatro pontos de Osasco, simultaneamente, pela manhã e à tarde: Centro Municipal de Formação Continuada dos Profissionais da Educação, Teatro Municipal Glória Giglio, Espaço Catedral – Santo Antônio e Sala Osasco. Os encontros fazem parte dos cursos de atualização dos mais de cinco mil gestores, educadores e supervisores da Rede Municipal.

“Estamos investindo fortemente em nossos educadores e para 2018 estamos preparando grandes eventos”, informou a secretária de educação em exercício, Márcia Brito.

Eduardo Shinyashiki, especialista em desenvolvimento das competências de liderança e preparação de equipes, com uma trajetória acadêmica dedicada ao estudo e à pesquisa dos aspectos emocionais, mentais e físicos do ser humano, fará duas palestras, no primeiro dia do evento: “Abrace sua missão – vença desafios, construa o futuro” e “A arte do conviver e do aprender”.

Também no primeiro dia, Regina Shudo, especialista em Educação Infantil, com experiência na área educacional há mais de 30 anos e produtora de livros didáticos na área da Educação Infantil e alfabetização, irá abordar os temas “A gestão da sala de aula: alunos mais aprendentes” e “Avaliação na Educação Infantil: observação e intervenção pedagógica”.

Ainda no dia 1/2, Celso Vasconcellos, doutor em Educação pela USP, mestre em História e Filosofia da Educação pela PUC/SP, irá palestrar sobre “Currículo: a atividade humana como princípio educativo”. Também no dia 1/2 haverá ainda os ensinamentos de Cris Poli, pedagoga e escritora conhecida como a Supernanny no SBT, que irá abordar o tema “Educando em sala de aula”.  E encerrando o primeiro dia, Telma Ferraz Leal, doutora em Psicologia e coordenadora Geral do PNAIC em Pernambuco, irá palestrar sobre “A oralidade na escola – a investigação do trabalho docente como foco de reflexão” e “Consciência fonológica e a prática alfabetizadora”.

Abrindo o segundo dia de evento, Leo Fraiman, psicoterapeuta especialista em Psicologia Educacional e colunista do Portal UOL Educação, fará duas palestras: “A autogestão docente e o encantamento em sala de aula: do conflito ao encontro de gerações” e “Criatividade e felicidade: neurociência a serviço de uma vida gratificante”. Em seguida, Julio Furtado, doutor em Ciências da Educação pela Universidade de Havana (Cuba) e ex-reitor universitário, irá abordar os temas “O desafio de promover a aprendizagem e a avaliação significativas” e “A pedagogia do erro: errar não é o contrário de acertar”.

Celso Vasconcellos e Cris Poli, também marcam presença no segundo dia. No encerramento do evento, Fábio Zan, especialista em Neurociências para Educação, Master Practitioner em Programação Neurolinguística e Trainer em Desenvolvimento Pessoal e Profissional, irá falar sobre “Neurociência e aprendizagem” e “Inteligência emocional em contexto escolar”.

 PROGRAMAÇÃO

Dia: 1 de fevereiro

Horário: 7h30 às 10h30

Local: Teatro Municipal Glória Giglio – avenida dos Autonomistas, 1533, Vila Campesina

. Eduardo Shinyashiki – “Abrace sua missão – vença desafios, construa o futuro!”

 Local: Centro de Formação Continuada – avenida Marechal Rondon, 263 – Centro

. Regina Shudo – “A gestão da sala de aula: alunos mais aprendentes”

 Local: Catedral – avenida Santo Antônio, 1090 – Bela Vista

. Angélica Maia – “Práticas e diálogo sobre Educação Inclusiva e Arte-Educação: desafios e possibilidades de um trabalho interdisciplinar”

 Local: Sala Osasco – avenida Bussocaba, 300 – Vila Campesina

. Telma Ferraz Leal – “A oralidade na escola – A investigação do trabalho docente como foco de reflexão”

 Dia: 1 de fevereiro

Horário: 13h30 às 16h30

 Local: Teatro Municipal Glória Giglio – avenida dos Autonomistas, 1533 – Vila Campesina

. Eduardo Shinyashiki – “A arte de conviver e aprender”

Local: Centro de Formação Continuada – avenida Marechal Rondon, 263 – Centro

. Regina Shudo – “Avalição na Educação Infantil: observação e intervenção pedagógica”

Local: Catedral – avenida Santo Antônio, 1090 – Bela Vista

. Cris Poli – “Educando em sala de aula”

Local: Sala Osasco – avenida Bussocaba, 300 – Vila Campesina

. Telma Ferraz Leal – “Consciência fonológica e a prática alfabetizadora”

Dia: 2 de fevereiro

Horário: 7h30 às 10h30

Local: Teatro Municipal Glória Giglio – avenida dos Autonomistas, 1533 – Vila Campesina

. Leo Fraiman – “Criatividade e felicidade: neurociência a serviço de uma vida gratificante”

Local: Centro de Formação Continuada – avenida Marechal Rondon, 263 – Centro

. Julio Furtado – “O desafio de promover a aprendizagem e a avaliação significativas”

Local: Catedral – avenida Santo Antônio, 1090 – Bela Vista

. Angélica Maia – “Práticas e diálogo sobre Educação Inclusiva e Arte-Educação: desafios e possibilidades de um trabalho interdisciplinar”

Local: Sala Osasco – avenida Bussocaba, 300 – Vila Campesina

. Fábio Zan – “Neurociência e Aprendizagem”

Dia: 2 de fevereiro

Horário: 13h30 às 16h30

Local: Teatro Municipal de Osasco – avenida dos Autonomistas, 1533 – Vila Campesina

. Leo Fraiman – “A autogestão docente e o encantamento em sala de aula: o conflito ao encontro de gerações”

Local: Centro de Formação Continuada – avenida Marechal Rondo, 263 – Centro

. Julio Furtado – “A pedagogia do erro: errar não é contrário de acertar”

Local: Catedral – avenida Santo Antônio, 1090 – Bela Vista

. Cris Poli – “Educando em sala de aula”

Local: Sala Osasco – avenida Bussocaba, 300 – Vila Campesina

. Fábio Zan – “Inteligência emocional em contexto escolar”