Programa de reforma nas escolas municipais mostra avanços

Anunciado no final de abril pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Educação, o programa de reforma nas escolas segue a todo vapor. O projeto “Construindo o Futuro” iniciou diversas melhorias nas unidades da rede municipal de ensino, como reparos em telhados, manutenção elétrica e hidráulica, acessibilidade, entre outros benefícios. 1-DSC_6945Os primeiros colégios contemplados com o programa são: Emef Nai Molina do Amaral, Emef Miguel Costa Júnior e a escola de educação infantil Cidade Ariston. As obras na unidade Nai Molina estão em fase intermediária, com as atividades de acabamento da pintura, instalação da parte elétrica e hidráulica, troca do piso, construção de novo muro e substituição do forro em algumas salas de aula, já finalizadas. 1-DSC_6945.jpgAinda incluso no programa, as unidades receberão novos mobiliários; instalação de câmeras de segurança e alarmes; e novos computadores. As aulas acontecem normalmente durante o período de reforma, em salas preparadas especialmente para acomodar os alunos. 1-DSC_6945

É importante destacar que a instalação de câmeras de segurança e alarmes acontecerá em todas as 47 escolas da rede municipal de ensino. A Central de Videomonitoramento ficará na nova sede da Secretaria de Educação.

Anúncios

Alunos do Mãos do Futuro recebem certificados de capacitação

Texto: Marco Borba

Imagens: Ítalo Cardoso

Com a alegria de quem obteve mais uma vitória na jornada, 49 alunos dos cursos do Espaço Mãos do Futuro receberam na segunda-feira, 18/6, do prefeito de Osasco, Rogério Lins, e da primeira-dama, Aline Lins, seus respectivos certificados de capacitação.

A cerimônia aconteceu no auditório do Fundo Social de Solidariedade, que desenvolve o programa juntamente com o governo do Estado. Cerca de 80 pessoas, entre formandos e convidados, participaram do evento. O vereador De Paula representou o Legislativo.

FUNDO

Na solenidade, Aline Lins destacou a importância do programa para os munícipes, sobretudo famílias de baixa renda. “Entendo que não devemos apenas prestar assistência, mas também criar condições para que a pessoa busque a própria renda”.

FUNDO.png

Já o chefe do Executivo parabenizou os alunos pela iniciativa na busca pela capacitação. “Espero que esta seja apenas mais uma etapa na vida de vocês e que saibam que é importante fazer outros cursos de aperfeiçoamento. Isso ajuda a aumentar as chances de emprego”, aconselhou.

FUNDO.png

Aluna do curso de manicure, Flávia da Silva Santos, 21 anos, moradora do Jardim Canaã, na zona Norte, conta que a capacitação já abriu as portas para ela. “Eu já sabia algumas coisas, mas vim atrás de capacitação porque queria trabalhar em um salão. Assim que iniciei o curso, fui atrás de emprego e arrumei em um salão no Jardim Rochdale (bairro vizinho)”.

Os formandos são das turmas de padaria artesanal, maquiagem, assistente de cabeleireiro, barbearia, manicure e pedicure.  Os cursos têm duração diferente. O de padaria artesanal, por exemplo, dura uma semana, e o de manicure e pedicure, dois meses.

Serviço

As inscrições devem ser feitas no Fundo Social de Solidariedade (Avenida Bussocaba, 140, Vila Campesina). A sede do Mãos do Futuro fica na Rua Deputado Emílio Carlos, s/nº, ao lado do Restaurante do Servidor, na Vila Campesina. Outras informações pelo telefone 3652-9400.

Fiec abre inscrições para professores em Carapicuíba

A Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura (Fiec), em parceria com a Prefeitura de Carapicuíba, está com inscrições abertas para processo seletivo na contratação de professores para os cursos técnicos nas áreas de Administração/Logística, Enfermagem, Inglês, Mecânica e Psicologia.

3

As inscrições seguem até a próxima quarta-feira, 13 de junho, exclusivamente através do e-mail mediotec.carapicuiba@fiec.com.br. O edital completo, dados, ficha de inscrição e etapas do processo podem ser consultados no site www.fiec.com.br, no link ‘processo seletivo de professores’.

As atividades relacionadas ao curso serão desenvolvidas na cidade de Carapicuíba, em sede indicada pela Fundação. Não há cobrança de taxa de inscrição, mas o candidato poderá efetuar a doação de um pacote de fraldas geriátricas no dia da realização da prova. A arrecadação será entregue ao Fundo Social de Solidariedade de Indaiatuba.

A quantidade de vagas dependerá da demanda de alunos matriculados em cada curso e da atribuição de aulas feita aos professores efetivos pela direção/coordenação pedagógica.

Prefeitura de Carapicuíba realiza oficina de dança com professores da rede

A Prefeitura de Carapicuíba, por meio da Secretaria de Educação, realizou nesta semana a oficina “Dança Circular e sua aplicabilidade nas aulas de Educação Física”. A capacitação, aplicada na quadra coberta da Emei Mundo Mágico e dividida em turmas no período da manhã e tarde, teve como público-alvo os docentes de educação física do município.

FUNDO.pngO principal objetivo foi apresentar aos professores da área como a dança circular possui um leque de conhecimento, podendo ser aplicado em coreografias como forma de manifestação cultural, propiciando aos alunos novos métodos de aprendizado, estudo e expressão corporal, através da atividade.

O treinamento, ministrado pela educadora Juliana Evangelista, teve como idealizadores os professores Andrea Carmo e Maurício Lopes, que comentou a importância da oficina: “a ideia é que o município tenha quatro capacitações ao longo do ano para os docentes de educação física, com a intenção de ampliar e compartilhar todo o conhecimento adquirido e com isso poder potencializar a aprendizagem dos alunos”, explicou.

Mais de 22 mil alunos de Barueri participam da Olimpíada de Matemática

Ao longo de toda a terça-feira (dia 5), os estudantes do sexto ao nono ano da rede de ensino de Barueri participaram das provas da primeira fase da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). Nesta edição, jovens de escolas públicas e particulares em 99,44% dos municípios do país integram a competição.

barueri.png

Barueri inscreveu nesta etapa 22.247 estudantes, representando cerca de 60 escolas. Os alunos respondem a 20 questões em 2h30. Há três níveis: N1 (sexto ou sétimo ano do ensino fundamental); N2 (oitavo ou nono ano do ensino fundamental); e N3 (qualquer ano do ensino médio). Os classificados irão participar da segunda fase, uma prova discursiva, em 15 de setembro.

barueri.png

Na edição de 2017, Barueri foi destaque com a conquista de medalhas de ouro, prata e bronze, além de muitas menções honrosas.

Neste ano, na Emef Júlio Gomes Camisão, por exemplo, as provas transcorreram com muito foco dos alunos. No ano passado, a escola foi muito bem classificada com a conquista de diversas medalhas de honra ao mérito.

De acordo com o diretor da escola Carlos Bordin, “a meta é que a média dos alunos promovidos esteja acima de 7 em comparação ao ano de 2017 e, para que haja este foco, os alunos precisam sentir que todos falam a mesma realidade e realizam um trabalho pedagógico igualitário”.

barueri.png

Duas escolas de Barueri são selecionadas para Conferência Nacional de Meio Ambiente

As Emefs João Carvalho de Lima e Professor José Domingos da Silveira, ambas do Jardim Mutinga, estão entre as escolas selecionadas na etapa estadual da V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente (CNIJMA) com os projetos “Cuidar do Meio Ambiente é Preservar a Água” e “SOS Água”. A participação dos alunos de Barueri foi totalmente viabilizada graças à parceria e ao engajamento das Secretarias de Educação e de Recursos Naturais e Meio Ambiente (Sema).

barueri.png

A CNIJMA está acontecendo desde abril. Promovida pelo Órgão Gestor da Política Nacional de Educação Ambiental (PNEA), que é formado pelo Ministério da Educação (MEC) e o Ministério do Meio Ambiente (MMA), visa mobilizar estudantes de todo o Brasil para promover a reflexão, o desenvolvimento de estudos e de pesquisas e estimular a proposição de ações e projetos na temática socioambiental. Este ano o tema norteador é “Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas”.

barueri.png

Em Barueri, 16 escolas encararam o desafio da CNIJMA e representação a região na etapa Estadual.

“O fato de termos escolas selecionadas indica a qualidade dos projetos desenvolvidos nas escolas municipais de Barueri, e é resultado da parceria firmada entre as Secretarias de Educação e Meio Ambiente. Trata-se de uma oportunidade de divulgarmos para o Estado todo o excelente trabalho que está sendo desenvolvido pelos estudantes daqui na área de meio ambiente”, ressalta Yara Garbelotto, diretora de Planejamento Ambiental da Sema.

barueri

Yara lembra também que a Secretaria Estadual de Meio Ambiente doou kits de livros para as escolas do município que participaram da Conferência e a entrega desse material vem sendo feita por membros da Sema.

barueri.png

Em Carapicuíba, escola municipal Nai Molina realiza copinha de futebol

A escola municipal de ensino fundamental de Carapicuíba, Nai Molina do Amaral, realizou na última semana a abertura para a sua Copinha, evento que homenageia o maior torneio de futebol. A competição – com equipes divididas e nomeadas pelos países que disputarão a Copa do Mundo – será realizada semanalmente, tendo como principal objetivo ensinar aos alunos como trabalhar em equipe, além de promover educação para cidadania e incentivar a prática do esporte.

OSASCO

O campeonato realizado pela Federação Internacional de Futebol (Fifa) é considerado o mais importante na modalidade e por isso torna-se relevante abordar e trabalhar a temática com os alunos.  A diretora da unidade, Jaci de Almeida, ressaltou os impactos positivos do projeto. “A Copinha da Emef também é uma forma de apresentar para as crianças as comemorações esportivas mundiais e levá-las a conhecer, valorizar, respeitar e desfrutar a pluralidade das manifestações culturais de diversos países”.

OSASCO.png
Ao final da competição, os estudantes receberão medalhas de acordo com a classificação final de cada classe. “Isso faz com que as crianças e professores fiquem envolvidos e motivados juntos, refletindo também em sala de aula, com atividades interdisciplinares. O emocionante é ver o sorriso e felicidade no rostinho deles”, completou a diretora.