Operação tapa-buraco passa por mais de mil ruas de Carapicuíba em 2017

A Prefeitura de Carapicuíba, através da Secretaria de Obras e Serviços Municipais, trabalhou intensamente em 2017. Dentro do programa Meu Bairro Melhor – que tem como objetivo a força tarefa nos serviços de zeladoria – a operação tapa-buraco passou por mais de 1.200 (mil e duzentas) ruas no ano passado, tapando em média, quarenta buracos por dia.

cara

As ações, realizadas por diferentes equipes, seguem cronogramas diários nos diversos bairros da cidade, com mutirões nas atividades de roçagem, varrição e recolhimento do mato roçado, tapa-buraco, coleta de entulho, cata-treco, limpeza de bocas de lobo, pintura de guias e faixas de pedestre.

O balanço do último ano aponta ainda, cerca de 1.330 (mil, trezentos e trinta) serviços de cata-treco realizados na cidade, com caminhões carregados de madeiras, móveis velhos e outros materiais – descartados nas ruas de forma incorreta. As equipes também executaram aproximadamente duas mil viagens para retiradas de entulho.

E trabalhando no combate e prevenção a enchentes, foram limpas 2.670 (duas mil, seiscentas e setenta) bocas de lobo em todo o município. Os números resultam em mais de dez mil ações do Meu Bairro Melhor. Vale ressaltar que, apesar das atividades acentuadas, em alguns casos, lixos, entulhos e trecos voltam a ser jogados nos mesmos locais, tornando-se prejudicial e contra a lei.

Programa ampliado

Em 2018 será feito ainda mais pela cidade. A Prefeitura ampliou o programa Meu Bairro Melhor. Agora em duas frentes de trabalho, raio de ação será aumentado, dobrando a equipe e o resultado.

Trabalhando em sistema de eventograma, cada frente atua em tarefas definidas. A primeira equipe retira todo entulho e madeiras da rua, preparando o local para receber as ações de roçagem e pintura de guias. Concluídas estas etapas, o terceiro grupo executa a operação tapa-buraco.

Responsabilidade de todos

O munícipe precisa colaborar para manter a cidade limpa. Segundo a lei nº 3044, quem deposita lixo ou entulho nas calçadas, boca de lobo, canteiros, jardins e praças públicas, está sujeito a multa no valor de R$ 3.500,00 (três mil e quinhentos reais).

A população também pode colaborar com a fiscalização, denunciando o descarte irregular através dos canais disponibilizados pela Prefeitura – WhatsAPP denúncia Lixo 97434-8101.

cara

Anúncios

Prefeitura de Carapicuíba amplia manutenção da rede elétrica

O serviço de iluminação pública em Carapicuíba passou por forte reestruturação em 2017. A Prefeitura de Carapicuíba intensificou os serviços de manutenção, lançou o programa de atendimento por telefone 0800 e implantou rede de iluminação onde não havia. Numa força tarefa para diminuir a fila de espera, nos primeiros cinco meses do ano a prefeitura atendeu mais de 10 mil chamados. Infelizmente, o furto de cabos de energia tem se mostrado um grande empecilho para que a prefeitura alcance a qualidade desejada no atendimento à população.

Somente no mês de janeiro, foram furtados mais de 2.905 metros de cabos de energia em diversos bairros da cidade. O bairro mais atingido foi o Centro, com mais de 2.300 metros de fios subtraídos, sendo 598 metros só na avenida Rui Barbosa. Nesses casos, o prazo da Prefeitura para fazer a manutenção da rede elétrica é maior que o normal, pois é necessário repor o cabeamento.

As equipes da Secretaria de Infraestrutura trabalham para sanar rapidamente a falta de energia ocasionada pelo furto de cabos. A Guarda Civil Municipal realiza rondas preventivas para coibir a ação de criminosos que, para evitar o flagrante, depredam câmeras de monitoramento que a Prefeitura instalou nas vis públicas de Carapicuíba.

Ruas e avenidas mais iluminadas oferecem mais segurança aos moradores, comerciantes e pedestres. A população pode colaborar com a Prefeitura denunciando o comércio ilegal de cabos de energia, casos de vandalismo na rede elétrica e depredação do patrimônio público.

cara

Denuncie

Guarda Civil Municipal (GCM): 4183-5229

Polícia: 190

Secretaria de Infraestrutura: 4184-1146

Prefeitura realiza reunião com ambulantes da região central

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Indústria, Comércio e Abastecimento (Sica), realizou na terça-feira, 23/1, uma reunião com cerca de 250 ambulantes que exercem as atividades na região central de Osasco. O encontro teve como objetivo estabelecer algumas regras e comunicar aos ambulantes sobre as alterações que ocorrerão no ano de 2018.

OSASCO

O secretário de Indústria, Comércio e Abastecimento, Rafael Paes, falou sobre a importância do diálogo entre comerciantes e a prefeitura para estabelecer uma relação de confiança e obter bons resultados para ambos. Rafael salientou a preocupação do prefeito Rogério Lins em resgatar a tranquilidade no centro comercial, diante da crescente incidência de ambulantes ilegais e da comercialização por parte destes vendedores de produtos sem procedência, que colocam em risco a população.

Já a diretora do Departamento de Abastecimento, Roseli Dionísio Flávio, discorreu sobre os problemas que envolvem a categoria e as ações que estão planejadas para acabar com os problemas. Roseli também lembrou que está em vigor a P.I. 01/2018-SICA, de 5 de janeiro de 2018, que suspende novas concessões na região central.

O diretor do Departamento de Controle Urbano (DCU), Eduardo Duarte, também deixou sua mensagem para o grupo relacionada à fiscalização e enfatizou que está em curso a “Operação Saturação”, que foi montada após uma série de denúncias dos comerciantes sobre a presença crescente dos vendedores ambulantes ilegais. A operação é um trabalho da Secretaria de Indústria, Comércio e Abastecimento (SICA) em conjunto entre as secretarias de Segurança e Controle Urbano (Secontru) e Transportes e da Mobilidade Urbana (Setran).

Semáforos inteligentes aumentam fluidez

Fotos: Rômulo Fasanaro

Com uma frota superior a 434 mil veículos (motocicletas, caminhões, ônibus, reboques e automóveis), além dos flutuantes – pessoas que se dirigem a cidade para trabalhar, estudar ou comprar -, a Prefeitura está em constante inovação para dar melhor fluidez ao tráfego, mantendo a segurança de motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres.

Uma das novidades implantadas na atual gestão é o sistema SCATS (semáforos inteligentes em tempo real). Instalado nos principais corredores, o sistema objetiva melhorar o fluxo de veículos, já que é dividido em ciclos e faz a redistribuição do sinal verde com base no número de veículos na via.

SEMÁFOROS

O grande viabilizador para que o trânsito flua melhor na cidade é o semáforo. Com os SCATS, seus tempos são modificados de acordo com o trânsito de maneira automática.

O sistema funciona assim: em um cruzamento, por exemplo, se a primeira via estiver com início de congestionamento, o sinal fica verde (com permissão para seguir) durante um período maior para que os veículos sigam sem retenção. O semáforo na segunda via ficará mais tempo na cor vermelha.

Tudo é calculado a todo momento através de um computador que fica no Centro de Operações Integradas (COI). O mecanismo mede a cada cinco segundos a quantidade de veículos que passa pelo local.

alunos

 INSTALADOS

Atualmente o SCATS está em funcionamento nas avenidas:

Avenida dos Autonomistas x Rua Salem Bechara

Avenida dos Autonomistas x Rua Dona Primitiva Vianco

Avenida dos Autonomistas x Rua Pedro Fioretti

Avenida dos Autonomistas x Rua Antônio Agú

Avenida dos Autonomistas x Rua João Crudo

Avenida dos Autonomistas x Avenida Santo Antônio

Avenida dos Autonomistas x Avenida Liberdade

Avenida dos Autonomistas x Avenida João Batista

Rua Dona Primitiva Vianco x Rua Cônego Afonso

Rua Dona Primitiva Vianco x Rua Cipriano Tavares

Rua Dona Primitiva Vianco x Rua Dante Battiston

Rua Dona Primitiva Vianco x Rua Dr. Jaime Regalo Pereira

Rua Dona Primitiva Vianco x Largo de Osasco

Rua Pedro Fioretti x Rua Cônego Afonso

Avenida Maria Campos x Rua Cipriano Tavares x Av. Hilário Pereira de Souza

Avenida Maria Campos x Saída do shopping

Av. Hilário Pereira de Souza x Avenida Franz Voegeli

Av. Hilário Pereira de Souza x Saída Poupatempo

Avenida Bussocaba x Rua Dimitri Sensaud de Lavaud

Avenida Bussocaba x Rua Maria Ponce

Avenida Bussocaba x Rua Narciso Sturlini x Rua Aurora Soares Barbosa x Av. Padre Vicente Melillo

Av. Prefeito Hirant Sanazar x Nova Osasco x Praça Solidariedade

Prefeitura de Carapicuíba prorroga prazo do Refis

A prefeitura de Carapicuíba prorrogou até o dia 31 de janeiro o prazo para a quitação de dívidas com o município. Trata-se do Refis – Programa de Recuperação Fiscal, que possibilita o pagamento em até 60 parcelas com taxas mais baixas, ou à vista com 100% de desconto nos juros e multas.

Com o Refis o cidadão pode pagar o imposto atrasado à vista ou parcelado. Os descontos são aplicados sobre os juros e multas cobrados pelo atraso no pagamento, mas o valor do imposto permanece o mesmo. Quanto menos parcelas, maior o desconto. Confira:

Parcela única à vista, desconto de 100%

De 2 a 10 parcelas, desconto de 75%

De 11 a 24 parcelas, desconto de 60%

De 25 a 36 parcelas, desconto de 40%

De 37 a 60 parcelas, desconto de 20%

Para fazer a adesão do programa é preciso comparecer na Secretaria de Receita e Rendas na Rua Célio Meucci, 64 – Vila Caldas, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h30. É necessário levar cópia e original do RG, CPF, comprovante de endereço recente e da folha de espelho do IPTU.

Juntos, vamos fazer de Carapicuíba uma cidade cada vez melhor

O pagamento de dívidas com a prefeitura aumenta o orçamento que é revertido em benefícios para os moradores. Os principais investimentos são feitos nas áreas de saúde e educação.

Resultado de imagem para Prefeitura de Carapicuíba prorroga prazo do Refis

Rogério Lins vistoria Farmácia Central que terá capacidade de 15 mil atendimentos por mês

Na ocasião, foram visitadas a Praça de Atendimento da Saúde e Farmácia Central

cara

Na quinta-feira, 4/1, o prefeito de Osasco, Rogério Lins, acompanhado do secretário de Saúde, José Carlos Vido, e outros técnicos, vistoriou dois prédios na região Central onde funcionarão equipamentos da Saúde com atendimento ao munícipe. O primeiro espaço visitado foi a Praça de Atendimento da Saúde, ao lado da secretaria, que acomodará a Ouvidoria, Central de Regulação, Serviço Social, entre outros órgãos. Localizada na Rua João Batista, a Farmácia Central foi o segundo local que passou pela vistoria.

Durante a visita, Rogério Lins ressaltou que a saúde é prioridade em seu governo. “Essa farmácia terá capacidade para atender 15 mil usuários por mês, com pré-agendamento, além de mais de 3 mil pessoas que possuem dificuldade de mobilidade e serão atendidas em suas residências todos os meses.

Investindo na infraestrutura e na modernização,  ofereceremos a saúde pública que a nossa população merece”, afirmou. “A intenção é centralizar as três farmácias que possuímos atualmente num único lugar mais confortável e, principalmente, mais acessível para a população, próxima a diversos pontos de ônibus, Largo de Osasco e estação de trem da CPTM”, explicou o secretário de Saúde.

cara

Entenda os atendimentos da Praça de Atendimento da Saúde A Ouvidoria estabelece a comunicação entre o cidadão, recebendo denúncias, reclamações, críticas, sugestões e solicitações de informações; já a Central de Regulação é o setor responsável por regular e gerenciar as demandas e ofertas de consultas, exames e cirurgias de média e alta complexidade do município, e o Serviço Social encaminha munícipes para diversos setores da Prefeitura, além de abrir processos para pacientes que necessitem de insumos, fraldas infantis e geriátricas, transporte social, entre outros.

Francine Maia
Fotos: Italo Cardoso