Momento exato da chegada de Lula em Curitiba para prestar depoimento ao juiz Sérgio Moro

Ele chegou no aeroporto Afonso Pena em um avião particular e deve seguir para um hotel antes de ir à Justiça Federal, onde vai estar pela primeira vez frente a frente com Moro. Os desembarques de Lula e da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), na manhã desta quarta, motivaram a montagem de um esquema especial de segurança no aeroporto. Funcionários receberam a notícia da chegada de Lula a Curitiba às 9h25 e começavam a organizar o desembarque em um hangar destinado à viação executiva.

População em situação de rua é desafio para políticas públicas em Osasco

Moradia, trabalho e saúde são as principais demandas de cerca de 4 mil pessoas

xjose-eduardo-da-silva-301x200.jpg.pagespeed.ic_.FspTnF9U_I

Para uns eles são invisíveis, para outros, inconvenientes, enquanto para muitos são lembrados e merecedores de afeto apenas no inverno, quando as baixas temperaturas esquentam o debate e trazem à tona a questão da situação da população em situação de rua. É nessa época do ano que a sociedade costuma prestar um pouco de atenção nas cerca de 4 mil pessoas que vivem nas ruas e praças de Osasco.

MEIAS-DO-BEM-PUKET-Por-Rogerio-Gomes-1

Se o frio for significativo e causar mortes – como ocorreu em várias capitais brasileiras no inverno de 2015, o debate ganha força. Mas logo depois, conforme a primavera se aproxima, a invisibilidade e a indiferença tendem a retornar ao menos até o próximo inverno.

No último dia 04/05, aconteceu na Câmara de Osasco uma audiência pública para tratar deste tema complexo e uma realidade presente de vários moradores de rua que vivem na cidade de Osasco.

18199565_1510192672355761_2323519337388733795_n

A propositura foi do vereador Renato Bonin (PR) que junto com sua equipe, promoveu um debate com várias lideranças da cidade com o objetivo de encontrar um caminho para melhorar a vida dessas pessoas que moram nas ruas de Osasco. Em entrevista exclusiva a RC TV Interativa, Bonin disse que o debate foi importante para saber a dimensão do problema e buscar soluções. “ Espero que a discussão não fique só no discurso, que ações efetivas aconteçam”, indagou Renato que também pretende formar uma comissão na Câmara para enfrentar o problema.

2

O edil salientou que em São Paulo “são mais de 16 mil pessoas morando nas ruas, em Osasco o vereador disse que cerca de 4 mil pessoas vivem em situação de rua, não existe um estudo que comprove essa esse número, mas de acordo com algumas entidades e ongs presentes na audiência, este número pode ser ainda maior.

publico

Para Bonin o percentual de moradores de rua em Osasco supera o da capital se levarmos em conta que a população de São Paulo é bem superior a de Osasco.

Em todas as gestões, a ação de zeladoria nas ruas, praticada normalmente pela Guarda Civil Metropolitana (GCM), é sempre motivo de confronto. Moradores de rua presentes na Audiência Pública aproveitaram para denunciar os métodos agressivos utilizados por funcionários públicos para desmontar barracas e limpar as ruas, não raro recolhendo pertences pessoais e até medicamentos. Segundo indagação dos moradores os alimentos fornecidos pela prefeitura são questionados pela Guarda Municipal quando distribuídos, segundo uma moradora bastante exaltada, os guardas questionam “porque estão dando alimentos para vagabundos”, afirmou. O nome dela foi anotado pelo assessores para que o caso seja levado até a secretaria de segurança e o caso seja investigado.

2

Estiveram presentes na audiência pública, os seguintes vereadores: Jair Assaf (PROS), Ricardo Silva (PRB) e Renato Bonin (PR). Representando o executivo, estiveram presentes os seguintes secretários: Suzete Souza Franco, secretária de assistência social, José Carlos Vido, secretário de saúde e Dr. Valdeci Magdanelo, secretário de segurança. Representando a Rede Social de Osasco, entidade que representa o terceiro setor, Dr, Rafael Alves, advogado entre outras lideranças dos mais diferentes segmentos.

Confira reportagem completa em vídeo!

 

 

 

 

 

Lapas não paga aluguel e Cia da PM na Vila Yara pode ser despejada

Resultado de imagem para jorge lapas

O ex-prefeito de Osasco, Jorge Lapas, deixou de pagar o aluguel do imóvel que abriga a 2ª Companhia da Polícia Militar, instalada na rua Victor Brecheret, na Vila Yara. Com uma dívida superior a R$ 375 mil, a justiça acatou ação de despejo e determinou a desocupação do prédio em até 60 dias.

De acordo com o processo na 1ª Vara da Fazenda Pública do Fórum de Osasco, o contrato de locação do imóvel, que teve início em 28 de junho de 2007, sendo renovado para o período de 6 de junho de 2011 a 5 de junho de 2012, previa pagamento mensal de R$ 10.200, o que não ocorreu de forma regular. Ou seja, a administração Lapas optou por acumular os aluguéis e efetuar pagamentos esporádicos sem saldar por completo a dívida gerada.

O pagamento irregular provocou uma dívida de R$ 375.936,17, até o momento. O juiz titular da 1ª Vara, José Tadeu Picolo Zanoni, determinou em seu despacho que a prefeitura salde o valor “que deverá ser atualizado monetariamente desde a data do vencimento e acrescidos de juros de mora desde a citação”.

Para que a população não seja prejudicada, uma vez que a Polícia Militar define locais estratégicos para a instalação das companhias, a Prefeitura de Osasco, através da Secretaria de Administração, verifica, junto com o comandante da 2ª Cia da PM, um outro imóvel para abrigar a unidade.

 

Itapevi lança Campanha do Agasalho e prevê arrecadar 50 mil peças de roupas

O Fundo Social e a Prefeitura de Itapevi, deu início as arrecadações da Campanha do Agasalho 2017. Com duração de dois meses, a edição deste ano pretende arrecadar 50 mil peças de roupa em bom estado de uso.

3

A iniciativa visa dar assistência às pessoas em situação de vulnerabilidade. O Lançamento oficial aconteceu nesta última quarta-feira (03/05), no Salão de Festas Athenas, localizado no Centro de Itapevi e contou com a presença do prefeito Igor Soares, Teco, vice-prefeito, Elaine Freitas, secretária do Fundo Social de Solidariedade e do Anderson Cavanha, presidente da Câmara de Itapevi entre outras lideranças de Itapevi e região.

4

A Prefeitura de Itapevi já recolheu mais de 2 mil doações para a Campanha do Agasalho 2017 só nesta quarta (3), durante o lançamento da ação. Cerca de 300 pessoas participam da cerimônia que contou com um desfile de moda com a participação de crianças, jovens e da melhor idade.

2

Organizada pelo Fundo Social de Solidariedade, com apoio da Secretaria de Desenvolvimento Social, Defesa da Cidadania e da Mulher, o Fundo Social vai disponibilizar mais de 200 pontos de coleta de agasalho na cidade. O prefeito Igor Soares destacou a importância de participar da Campanha do Agasalho. “É o início de uma campanha tão importante não só para Itapevi, mas de todo o nosso Brasil que vive um momento difícil principalmente os Estados que compõe o sudeste brasileiro com baixas temperaturas, destacou. “Então nós aqui de Itapevi estamos fazendo a nossa parte, disse o jovem prefeito que também falou do sucesso da campanha contra a dengue na cidade que neste ano graças a mobilização dos funcionários da prefeitura e do Exército, conseguiu êxito no combate ao mosquito aedes aegypti. “Graças a Deus este ano não tivemos nenhuma vítima fatal, diminuímos em 86% os casos de infecção pelo mosquito da dengue”, comemorou soares.

A RC TV Interativa sempre nos melhores eventos registou os melhores momentos desta linda festa de solidariedade. Curta, comente e compartilhe!
Faça sua parte: doe um agasalho 😉
#EuAmoItapevi #PrefeituraDeItapevi

Repúdio a Doria e Temer marca ato da Força Sindical em SP

Mais de 700 mil comparecem ao 1º de Maio da Força Sindical

O 1º de Maio da Força Sindical, que neste ano completa sua 20ª edição, reuniu cerca de 700 mil trabalhadores na Praça Campo de Bagatelle, na Zona Norte de São Paulo. Um ato político com shows de vários artistas nesta ÚLTIMA segunda-feira (1º) para comemorar o Dia do Trabalhador, a Força Sindical reuniu mais de 700 mil pessoas, segundo os organizadores, na Praça Campos de Bagatele, na Zona Norte de São Paulo. A Polícia Militar não divulgou números. Desde a manhã, o público acompanhou discursos de políticos e sindicalistas e shows de cantores sertanejos. O evento teve na programação artistas como Michel Teló, Zezé Di Camargo e Luciano e Bruno e Marrone, Simone e Simaria, Maiara e Maraísa. No Ato Político do 1º de Maio da Força, dirigentes sindicais das mais variadas categorias, e autoridades, deram seus recados a trabalhadores, governo e parlamentares de que não aceitaremos, em hipótese alguma, a retirada de direitos duramente conquistados ao longo dos anos.

Orlando Silva pede para sindicalistas vaiarem Michel Temer em ato político

Orlando Silva, deputado federal (PC do B), criticou as reformas e disse em alto e bom tom que o governo Temer acabou com os direitos dos trabalhadores e que na semana que vem o congresso vai acabar com a aposentadoria. Silva disse que assim que se o governo não dialogar, os trabalhadores serão convocados novamente para paralisar o Brasil. Visivelmente irritado, Orlando pediu uma sonora vai para o governo Temer. “Eu quero pedir uma grande vai para Michel Temer para que o povo saiba que o nosso povo está atento e vai exigir a manutenção dos seus direitos”, conclui.

 

Paulinho da Força ameaça nova greve contra reformas

Paulinho, organizador do evento reclamou da elite e desabafou.
“O Brasil passa pela maior crise econômica da história, e a elite cismou que os trabalhadores têm que pagar a conta”, disse o deputado, que reclamou ainda do corte da contribuição sindical pela reforma trabalhista. “Como vamos garantir os direitos dos trabalhadores se os sindicatos não têm recursos para negociar? E com essa reforma da Previdência, a grande maioria dos trabalhadores vai morrer antes de se aposentar”, afirmou.

 

Major Olímpio manda recado para Alckimin e Temer em ato político: “Vergonha”

Major Olímpio (SD) defendeu os sindicalistas e fez duras críticas ao governo Alckimin e o governo Temer, inclusive chamou de “malditos” os que votaram a favor das reformas trabalhista e da previdência. O major garantiu que pretende lutar no Congresso “24 horas por dia para defender o trabalhador, seja na iniciativa privada, seja o trabalhador da área pública”, garantiu Olímpio que num discurso acalorado chamou de “covardes” os políticos que votaram a favor das reformas.

 

Medeiros afirma que “Trocamos seis por meia dúzia” em ato político em SP

O ex-presidente da Força Sindical, Luis Antonio de Medeiros afirmou em seu discurso que não concorda com as reformas trabalhista e da previdência e que o próximo passo é Ocupar Brasília para pressionar o governo e o Congresso a reverem seus planos de ataques aos sagrados direitos da classe trabalhadora. Sobre essa base, as centrais sindicais estão abertas, como sempre estiveram, ao diálogo”, disse. Afirmou também que o governo Temer é igual ao governo Dilma e que ambos são parecidos no jeito de governar.

 

Doria é criticado por deputado tucano na Festa do Trabalhador em SP

O deputado Ramalho da Construção do mesmo partido pediu para Doria pedir descupas para os sindicalistas depois de ter recusado flores de uma ciclista na Avenida Paulista, no início da tarde deste domingo (30), quando saía de carro da cerimônia de abertura da Japan House São Paulo. Ramalho também não concordou com a postura do colega de partido quando chamou os sindicalistas de “vagabundos” em áudio gravado e publicado ns redes sociais. O deputado achou “ridícula” a postura do prefeito de São Paulo e pediu retratação do prefeito.

Repórter Vesgo do Pânico participa da Festa do Trabalhador e fala da crise no Brasil

Divertido, bem humorado e acostumado a trollar famosos, o integrante do Pânico na Band, Rodrigo Scarpa, mais conhecido como repórter Vesgo, trabalhou no 1º de maio na Festa do Trabalhador em São Paulo, evento organizado pela Força Sindical que reuniu mais de 700 mil pessoas na Praça Campo de Bagatelle nesta última segunda (01/05). Vesgo entrevistou alguns cantores que passaram pela sala de imprensa na Festa do Trabalhador e aproveitou o momento para também conceder uma entrevista exclusiva para RC TV Interativa, nesta rápida entrevista ao jornalista Roberto Carlos, Vesgo falou sobre o atual momento do país que vive uma crise econômica e reclamou da corrupção, dos políticos e sobretudo das manifestações violentas que ocorreram nos últimos anos. Rodrigo Scarpa completa neste ano 14 anos de Pânico na Band e já participou dos mais diferentes quadros de humor, entrevistas e humor. O atual é o ‘Talk Show de Rua’ que vem fazendo muito sucesso na tela da Band.

Veja os melhores momentos do evento! 

Imagens: Sandro Rogério

Produção: Roberto Carlos

Edição e finalização: Roberto Carlos

Apoio: Força Sindical

Cuta nossa Fan Page Oficial: http://www.facebook.com/rctvinterativaoficial

Prefeito Rogério Lins homenageia jogadoras do vôlei Nestlé Osasco

A prefeitura de Osasco prestou uma linda homenagem ao time de vôlei Nestlé/Osasco, que disputou a final da Superliga no Rio de Janeiro no último domingo, quando sagrou-se vice-campeã do campeonato.

Resultado de imagem para RIO DE JANEIRO VENCE OSASCO NESTLÉ E FATURA

Em 20 anos de história, os capítulos parecem se misturar. Mas, desde o primeiro confronto, Rio de Janeiro e Osasco se acostumaram a reescrever o enredo de um clássico. No último final de semana, na Arena da Barra, as duas equipes foram à quadra mais uma vez para decidir a Superliga.

Imagem relacionada

E, se os personagens mudam, o time de Bernardinho se acostumou a ter no grupo a sua maior força. Foi assim, sem uma estrela principal, mas com a garra de todo um time, que o Rio voltou a fazer a vencer o Osasco. Em duelo marcado por reviravoltas, as cariocas venceram o Osasco por 3 sets a 2.

18076764_763864493795411_755217566569052778_o (1)

Foto: Fan Page – Rogério Lins

“Para nós vocês jogaram muito. Quis muito recebê-las para agradecer o que fizeram dentro e fora da quadra. Nunca vi uma torcida tão vibrante quanto a que acompanhei domingo no Rio”, disse o prefeito. “Para Osasco vocês são campeãs”, enfatizou o prefeito Rogério Lins.

18076577_763864540462073_8451002210340713280_o

Em sua 13ª final seguida, o Rio chega ao 12º título de sua história e se firma cada vez mais como maior potência do vôlei nacional. Contudo não podemos deixar de destacar a garra e entrega do time osasquense que lutou do começo ao fim para que a história fosse outra. Foi uma longa jornada para chegar até a final, apensar da derrota na final, não podemos deixar de destacar a garra dessas meninas que mostraram que o amor pelo vôlei supera todas as dificuldades.

18121431_763864707128723_3588960469866478883_o

E como prova deste reconhecimento, o prefeito Rogério Lins que foi até o Rio de Janeiro para acompanhar a final da Super Liga homenageou o time do vôlei Osasco nesta última quarta-feira em seu gabinete. Todos os funcionários da prefeitura fizeram um corredor para receber as meninas e a comissão técnica, visivelmente emocionadas, elas sentiram de perto o carinho e o calor humano da torcida que nunca deixou de acreditar no potencial dessa equipe aguerrida e vitoriosa.

greve-metroviarios-02

Luizomar de Moura, técnico do time, ficou bastante emocionado com a recepção e a homenagem. “Esse é um momento muito especial. Nunca fomos homenageados sem trazer o ouro, mas a prata também nos honra muito. Saibam que a não conquista da Superliga não foi feita pela falta de dedicação e doação em quadra”, disse.

Sensibilizado, Luizomar agradeceu ao prefeito, ao secretário de Esportes, Délbio Teruel, e a torcida, que, segundo ele, tem impulsionado e dado muita força ao time.

O técnico e as jogadoras foram recepcionados pela Guarda da Honra da GCM e passaram pelo corredor repleto de pessoas, que aplaudiram e vibraram com a equipe. Confira os melhores momentos desta linda e merecida homenagem pelo canal que mais presta serviços no Brasil.

18076620_763864620462065_1048543476978235732_o

Foto: Fan Page – Rogério Lins

Judô de Osasco entre os melhores do mundo. Reportagem exclusiva!

As primeiras referências que encontramos quanto à introdução do Judô no Brasil, datam de muitos anos após a criação desta arte-esporte no Japão, pelo mestre Jigoro Kano.

jigoro-kano_fb

A história do judô no Brasil é tão antiga quanto a presença japonesa em nosso território. A arte marcial desembarcou por aqui junto com os primeiros imigrantes nipônicos vindos no navio Kasato Maru, que ancorou no Porto de Santos, litoral paulista, em 18 de junho 1908. Dentro e fora do tatame, o judô se tornou um dos carros-chefes do esporte brasileiro em competições internacionais na última década.

0,,14905985-EX,00

No ano passado, os judocas da seleção principal fizeram 52 viagens, contra apenas quatro em 2001. Os brasileiros marcaram presença em 17 torneios (quatro internacionais), contra seis no início da década passada. A oportunidade de competir com mais frequência também se refletiu na quantidade de títulos e vitórias.

montagem-sarah-rafael-mayra-kitadai

O Brasil conquistou nove medalhas olímpicas entre Atenas 2004 e Londres 2012 – uma de ouro e oito de bronze. Em três ciclos olímpicos, o país quase repetiu a quantidade de pódios acumulados de Munique 1972 a Sydney 2000 – no período de 28 anos, o judô brasileiro somou 10 medalhas: dois ouros, três pratas e cinco bronzes. Nos Mundiais adultos, a evolução é ainda mais expressiva: são 18 medalhas (quatro ouros, cinco pratas e nove bronzes) vencidas entre 2003 e 2011, contra 10 (duas pratas e oito bronzes) no intervalo de 1971 a 1999.

5685_10153342978856254_2784774533078694163_n

A grande reportagem da semana destaca um dos esportes mais praticados do mundo. A história do judô no Brasil é tão antiga quanto à presença japonesa em nosso território.

15123307_10157744930885514_767903265387662890_o

A arte marcial desembarcou por aqui junto com os primeiros imigrantes nipônicos vindos no navio Kasato Maru, que ancorou no Porto de Santos, litoral paulista, em 18 de junho 1908. Assim como os outros hábitos, o cultivo do judô dentro da colônia japonesa servia para que matassem a saudade da Terra do Sol Nascente.

IMG_4381

Na cidade de Osasco destacamos dois atletas que se destacam em suas categorias. João Vellosa, faixa preta, 55 anos e 45 anos dedicados ao judô, foi terceiro colocado no campeonato mundial de judô, categoria veterano, disputado no final do ano passado nos Estados Unidos. Vale ressaltar que Velloza disputou o campeonato mundial de judô com recursos próprios, um grande desafio que foi superado graças ao amor pelo esporte e a vontade de se manter entre os melhores em sua categoria.

2017-04-27t023504z1556895535rc1abbd06c30rtrmadp3soccer-libertadores

Outro destaque e não menos importante é o jovem Marcos Vinicius, 13 anos, faixa verde, que foi medalha de prata no campeonato interestadual disputado em Itapetininga. Praticante de judô desde os 6 anos de idade, este jovem talento é uma promessa do judô brasileiro. Confira reportagem completa no canal que mais presta serviços no Brasil.

2017-04-27t023504z1556895535rc1abbd06c30rtrmadp3soccer-libertadores

Confira reportagem completa em vídeo!